Director - João Marques Teixeira

www.saude-mental.net


Acesso Reservado




Números Anteriores


ver lista completa >>

Índice

Pesquisa








Índice de Autores


Índice de Temas


Índice de Secções


Doença de Parkinson - Qualidade de Vida / Parkinson's Disease - Quality of Life

Volume X Nº3 Maio/Junho 2008


  • imprimir (pdf)



  • tamanho da fonte


  • carrinho de compras


  • imprimir revista (pdf)





Volume X Nº3 Maio/Junho 2008

Artigos / Articles



Resumo/Abstract

Apesar dos sintomas prodrómicos na doença bipolar serem na maioria das vezes idiossincráticos, as perturbações do sono têm sido reportadas como um marcador sensível de recaída.
Efectuou-se um estudo retrospectivo numa amostragem de 84 pacientes escolhidos aleatoriamente e internados no Hospital Sobral Cid com o diagnóstico de Perturbação Bipolar, de acordo com os critérios da CID-9 (1988). Verificaram-se 206 internamentos, incluindo 122 reinternamentos. Na totalidade de internamentos estudados, a perturbação do sono ocorreu em 53,39%, sendo a mais frequente, a insónia (44, 17%). A hipersónia ocorreu somente em 9,22% dos internamentos.

Palavras-chave: insónia, hipersónia e perturbação bipolar.


Although prodromic symptoms in bipolar disorder are usually idiosyncratic, the sleep disorders have been reported to be a sensitive marker of relapse.
A retrospective study was developed in 84 patients. A randomly selected which have been admited to Sobral Cid Hospital with the diagnosis of bipolar disorder, based on ICD-9 criteria (1988). In a total of 84 patients with bipolar disorder diagnosis, 206 admissions were recorded, including 122 readmissions. Of the total of admissions analysed, sleep disorder occurred in 53.39%, insomnia of being the most frequent (44.17%). Hypersonia occurred only in 9.22% of the admissions.

Key-words: insomnia, hypersonia and bipolar disorder.



Joana, TSF, Serra

Assistente Hospitalar do Hospital Sobral Cid



Carla, SS, Silva

Interna Psiquiatria do Hospital Sobral Cid



Jorge, G, Santos; Óscar, SN, Neves

Assistente Hospitalar Graduado do Hospital Sobral Cid

Hospital Psiquiátrico Sobral Cid
Apartado 1
3031-801 Ceira
Portugal



Introdução


Diversos estudos laboratoriais polissonográficos sugerem anomalias do sono na perturbação bipolar [1]. A insónia e hiperactividade são duas características que definem a mania; a hipersónia, diminuição da actividade e maior número de sestas durante o dia caracterizam a depressão bipolar[2]. Estas alterações não são apenas sintomáticas mas parecem constituir factores a ter em conta na etiologia da perturbação bipolar.
Apesar dos sintomas prodrómicos na doença bipolar serem na maioria das vezes idiossincráticos, as perturbações do sono têm sido reportadas como um marcador sensível de recaída. Algumas características polissonográficas mantêm-se mesmo depois da remissão dos sintomas sendo sobretudo evidentes na depressão unipolar e na perturbação bipolar.

19